8 dicas infalíveis para divulgar o teu blog

dicas para divulgar o teu blog
4 min

Escreveste os teus primeiros artigos, estás orgulhosa dos teus conteúdos e esperas que eles possam ser úteis a muitas pessoas, certo? É legítimo e aliás, um à parte para dizer que um post só deve ser publicado nessas condições, quando serias tu própria uma leitora atenta do que escrevestes. Mas, falta uma parte chave para conseguires chegar aos teus leitores – DIVULGAÇÃO. Sem ela nenhum conteúdo, por melhor que seja, terá visibilidade. Vou ajudar-te e contar-te tudo aquilo que aprendi e que gostava que me tivessem dito quando comecei.

Descobre 8 dicas infalíveis para divulgar o teu blog

Um blog pode ser divulgado sob duas perspectivas – divulgando o próprio blog, ou partilhando um artigo específico. Então, por qual deves optar?

Na verdade, podes e deves optar por ambas, uma vez que são perspectivas de divulgação complementares. A melhor estratégia será divulgar o blog periodicamente, para conseguires novos leitores, que se interessam pelo tipo de temas que partilhas.

E, divulgar cada um dos artigos sempre que os escreves, sempre que eles façam sentido (exemplo: reavivar posts antigos de Natal quando a época está de volta), ou ainda, divulgar de tempos a tempos, um artigo antigo que ainda se mantém actual e que teve uma ótima receptividade.

Mas, em que meios o podes fazer?

Newsletter

É muito importante, com tempo, ir criando uma base de dados de leitores, aqueles que querem mesmo receber informação sobre o blog e que o pediram expressamente. Se pensares bem, uma base de dados, para além de valer muito dinheiro, é a única ferramenta que é realmente tua, uma vez que, as redes sociais, onde normalmente depositamos tanta confiança, podem acabar a qualquer momento e levar com elas todos os nossos seguidores.

Este é um meio fundamental de divulgação e que permite segmentar o teu público por temas de interesse muito específicos. Quando bem trabalhado, o conteúdo e os dados dos subscritores, a possibilidade de abertura de um email é de mais de 50%.

Redes Sociais

Aqui podes fazer a divulgação na página do blog (que tens no Facebook, Pinterest, Instagram, etc.) e fazer divulgação em grupos específicos, nos quais estás inscrita e que estão relacionados directamente com o tema que abordaste em determinado artigo (exemplo: divulgar um artigo fit, num grupo de dietas).

É muito importante recordar que, cada rede social deve ser trabalhada individualmente, ou seja, cada imagem deve ser dimensionada de acordo com o local onde vai ser colocada e cada conteúdo escrito deve ser adequado ao meio onde o vais inserir.

Podes ainda atingir mais público partilhando o post no teu feed pessoal, através da página do blog.

Publicidade nas Redes Sociais

A publicidade nas redes sociais está aí para ser usada, embora, como tudo, com alguma intenção estratégica. Lembra-te sempre de investir num artigo que vai ajudar alguém ou que vai trazer retorno para o blog.

A publicidade é um dos tipos de divulgação mais fortes no que se refere a alcance, afinal estás a pagar para que o teu artigo chegue a mais pessoas do que aquelas a que chega de forma orgânica e, por isso mesmo, deves escolher criteriosamente o que queres que tenha mais projecção.

Links (Internos e Externos)

Esta é uma forma de divulgação importante e, por vezes, esquecida. Os links externos são links que apontam para outro website. Normalmente são links de programas de afiliados, de fontes de onde retirámos alguma informação, de páginas que queremos partilhar com os nossos leitores ou mesmo de sites parceiros. Se conseguires que outros websites apontem para ti, esta pode ser uma excelente forma de divulgação. E como conseguir isto? Escrevendo um Guest Post noutro blog, criando conteúdo interessante de ser partilhado ou criado algum produto/serviço com um programa de afiliados que leve outros criadores de conteúdo a partilhar com os seus seguidores ganhando uma comissão por cada venda.

No que se refere a links internos, uma opção de divulgação possível, e recomendável, é encaminhar o leitor através dos vários artigos do blog, linkando de uns para outros, dentro de temas semelhantes que podem interessar ao leitor. Desta forma, nenhum artigo, mesmo os mais antigos, fica esquecido.

Uma sugestão final passa por criares um artigo que agregue vários outros artigos, ou seja, uma publicação em que falas de um tema (exemplo: casamento) e que pode reunir vários subtemas sobre os quais já escreveste (exemplo: vestido de noiva, cerimónia, maquilhagem para noivas, lua-de-mel, orçamento).

Comentários em blogs ou fóruns

Uma forma primária mas, ainda assim válida, de divulgar um artigo ou blog. No entanto, é muito importante não fazer spam e escrever algo construtivo para que os outros leitores tenham interesse em visitar a pessoa que fez aquele comentário, ou seja, o teu blog.

Aqui existem três formas de actuar, deixar apenas um perfil que esteja associado ao blog, assinar referenciando o link do blog, ou assinar referenciando um artigo específico do blog que contribui para incrementar informação ao post que se comenta ou ao comentário de um leitor.

Assinatura de email

Se existe um email do blog tem que existir uma assinatura e, se existe uma assinatura, o link para o teu blog tem que lá estar. Esta é uma oportunidade de te dares a conhecer aos poucos, com as pessoas com quem falas por este meio. Não é uma divulgação em larga escala, mas é mais um passo e todos eles são importantes.

Estabelece parcerias

Ninguém vive ou sobrevive sozinho e este é um ensinamento que nos deve acompanhar desde o início.

Já falámos de guest posts, que são um óptimo exemplo de parceria com outros blogs, mas há muitas outras que podem ser feitas, parceria com revistas e plataformas online, ou offline, participação em eventos e workshops, entre muitos outros.

Existe uma infinidade de ideias que podem ser aplicadas e que podem variar consoante o tema que escolheste para a tua casa digital, o mais importante será sempre a imaginação e a criatividade que depositas na divulgação que fazes.

Susana Rosa

Economisses

0

2 comentários

8 dicas infalíveis para divulgar o teu blog

  • Silvia Costa

    Olá Maria. Tem sido uma ajuda para mim mas tenho uma dúvida que ainda não consegui desfazer. Quais as plataformas de afiliados para portuguesas?

    0
    • Bloglogia

      Olá Sílvia, tens networks com a Primetag, a Netaffiliation.. Tens marcas com programas específicos como a Skin.pt. E tens vários programas internacionais que têm marcas que vendem para Portugal, por isso não interessa se o programa é nacional ou internacional, só interessa se a marca vende para Portugal ou não

      0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Agir com estratégia é essencial para quem se quer diferenciar.



Subscreve e recebe as melhores dicas
de MARKETING DE INFLUÊNCIA


.

Recursos grátis

  • kit para parcerias com marcas
  • 572 ideias de conteúdo
  • planner de artigo de blog

entra em contacto